Vítor da Trindade e Carlos Caçapava

Vítor da Trindade e Carlos Caçapava
Crédito: Fernando P.Mutter
Vitor da Trindade é compositor, percussionista e toca violão popular, além de ensinar ritmos e danças tradicionais afro-brasileiras, em várias entidades como SESCs, Projetos Oficinas, Casas de Cultura e ONGs. Compôs para peças de teatro, tais como Quem diz se... e A Travessia e para o Ballet As Yabás. Acompanhou como percussionista a cantora Adriana Capparelli, no lançamento do CD Pequeno Circo Íntimo. Atualmente participa como pesquisador da Revista do Samba de Letícia Coura que também acompanha, no show Letícia Coura canta Boris Vian, do disco homônimo. Também da Cia. Estável de Repertório, Teatro Vento Forte, Maria Alice Vergueiro e Cristiane Tricerri, Rosi Campos, a banda Cometa Gafi e o festejado grupo Aquilo Del Nisso. Anualmente, é convidado a ministrar workshops na Alemanha e Itália, através da Landesmusikakademie de Berlim, sempre com enorme sucesso. Já se apresentou com Os Manos de Berlin no Junction Bar, Kopierbar e Krokodillus, todos em Berlim. Carlos Caçapava é percussionista, compositor, luthier de instrumentos musicais, professor de percussão e pesquisador de ritmos e instrumentos afro-brasileiros. Já tocou com Dudu Marote, Banda Tarsila, Grupo Construção, Saloma Salomão, Banda Tribbu e Embu Jazz Big Band. Vitor da Trindade e Carlos Caçapava tocam juntos desde 1975, acompanhando artistas, experimentando solos de percussão e, por vezes, apresentando canções próprias com voz, violão e percussão.